Onde e como procurar um hotel

23/07/2018

Encontrar aquele hotel perfeito e que caiba no orçamento é um dos principais desafios de quem planeja uma viagem. Gostaria, hoje, de dar algumas dicas a respeito. Espero que ajudem!

Primeira dica: faça tudo com antecedência e principalmente com muita calma. Este é um item muito importante para o sucesso da sua viagem! Não há nada pior do que passar por este processo sem lhe dar muita atenção e depois, chegando ao hotel escolhido, se deparar com dependências caindo aos pedaços, serviços ruins e localização micada.

Então, pesquise, pesquise e pesquise!

Uma ótima dica, se você gosta de fazer esta busca pela Internet, é conferir as avaliações de usuários do hotel no site TripAdvisor. A opinião de amigos e familiares, claro, também são sempre muito bem-vindas.

Você pode fazer esta busca sozinho, utilizando sobretudo as facilidades da Internet, mas o mais recomendável é que procure o suporte de um agente de viagens. Sua experiência, capacitação e por vezes preços e condições mais atraentes são fatores a serem levados em conta. E o agente de viagens traz ainda a segurança de lhe dar a retaguarda necessária em caso de algum problema.

O suporte de um Agente de Viagens é o mais recomendável para quem não deseja (ou não tem tempo) de fazer as pesquisas por conta própria.

Ah, mas e aqueles sites de busca que você vê constantemente em propagandas na TV, não seriam uma boa ideia também? Sim e não!

Sim, eles podem facilitar a pesquisa de quem desejar buscar um hotel por conta própria mas, opinião pessoal, estarão mais "inacessíveis" em caso de eventuais problemas durante a estada. Eu particularmente prefiro contar com o suporte de um agente ou fazer as tratativas diretamente com o hotel escolhido. Se acontece algum contratempo você tem a quem recorrer, a quem reclamar, de forma mais direta.

Ok, mas o que deve ser levado em conta quando se pesquisa um hotel?

Primeiramente, a localização.

O hotel deve obviamente estar próximo das atrações principais que você planeja visitar durante sua viagem e, caso isso não seja possível, deve ao menos oferecer facilidades de transporte para que se chegue até elas. 

Verifique sempre se há estações de metrô, ônibus ou bonde por perto, no caso de cidades grandes (lembre-se, nos grandes centros não é recomendável utilizar o serviço de carro alugado, é muita dor de cabeça, garanto). Ou então, verifique se há estacionamento, boas estradas e opções de transporte público (trem, por exemplo), no caso de hotéis em localidades mais afastadas.

Ainda com relação à localização do hotel, procure também saber se ele se encontra em uma região muito barulhenta (eu evitaria isso a todo custo) e se há boa variedade de restaurantes por perto. Opte também, claro, por regiões mais seguras, para que possa sair a pé sem receios.

Quanto mais bem localizado, claro, mais caro tende a ser o hotel.
Avalie bem o custo/benefício. Se puder pagar, claro, opte por hotéis próximos
às principais atrações que deseja visitar.

Atenção especial à segurança. Em cidades grandes, por exemplo, evite hotéis em ruas escuras e pouco movimentadas, principalmente se deseja sair a pé. 

Outro fator que deve ser levado em conta é a infra-estrutura oferecida.

Se você viaja com criança pequena, por exemplo, procure sempre por hotéis que oferecem playground, brinquedoteca, espaços abertos e até mesmo serviço de monitores. Se vai em viagem de lua-de-mel, outro exemplo, procure por um hotel que não tenha nada disso descrito antes...rssss.

Verifique atentamente se há itens como piscina, quadra de esportes, spa, estacionamento, elevador (sim, há muitos hotéis em cidades mais antigas onde quem se hospeda em andares mais altos tem de enfrentar a escada), entre outros. 

Confira também o restaurante, se é bonito e bem avaliado. Aliás, o fator alimentação é outro que merece sua atenção durante a busca do seu hotel. Se procura por qualidade e alta gastronomia, por exemplo, evite a maioria dos mega resorts all inclusive. Lá você encontra quantidade, conveniência, mas com qualidade mais duvidosa (existem, claro, exceções....pesquise bem).

Hotéis grandes, com buffets maiores ainda, oferecem comidas que são uma tentação aos olhos, mas muitas vezes sem aquela qualidade que se espera...

...e que se encontra, com mais facilidade,
em hotéis menores e com restaurantes à la carte.

O quarto é seguramente outro item a ser muito bem analisado.

Tem varanda? Tem uma vista bonita? Tem cama de casal ou camas separadas? Tem banheira ou apenas chuveiro? Wi-fi, tem? TV, cama extra, armários espaçosos, ar condicionado....cofre? São muitos detalhes né? Mas se você faz questão de algum (ou alguns) deles, preste muita atenção antes de escolher o tipo de quarto desejado.

Atenção à disposição das camas. A cama de casal pode, às vezes,
ser apenas a junção de duas camas de solteiro. Verifique atentamente
antes de fechar a reserva.

Hotel com vista bonita custa mais...mas olha, compensa muito viu!
Abaixo, vista do quarto no Hotel Bodmi, em Grindelwald (Suíça).

Pequenos detalhes, como banheira, fazem muita diferença
no conforto e bem-estar durante sua estada.

Bom, mas e o preço?

É, esse é um fator primordial...de nada adianta achar um hotel que lhe agrade em todos os aspectos citados até aqui se o seu orçamento não cabe nele, não é? Mas quem foi que te disse que esta seria uma procura fácil? Não, não é....por isso mesmo que lá no início reforcei que esta busca deve ser feita com calma e antecedência.

E já que estamos falando de preço, vai aí outra dica importante: procure sempre se informar muito bem sobre a política de reserva e cancelamento.

Muitos hotéis pedem depósito antecipado, por exemplo, e outros tantos costumam ser bem rigorosos nos casos de mudanças de datas e principalmente cancelamentos. Normalmente as tarifas mais atraentes são muito inflexíveis nestes aspectos, então olho vivo! Particularmente prefiro pagar uma tarifa um pouco mais alta, mas que me dê a garantia de poder mudar a data e até cancelar a reserva com antecedência.

Ah, antes que me esqueça, tem também a questão dos serviços.

Se informe sempre se a tarifa que está escolhendo inclui café da manhã. E se o hotel que busca fica em uma região mais remota (nos Alpes, por exemplo), cheque se oferece opção de meia-pensão ou até pensão completa (em muitos casos, vale a pena). Além disso, verifique também que outros serviços são oferecidos, como por exemplo serviço de quarto, transfer para o aeroporto e eventualmente até alguma atração turística importante, lavanderia, portaria 24 horas, entre outros.

Tarifa inclui café da manhã? Hotel oferece serviço de quarto?
Detalhes, detalhes...não se esqueça dos detalhes.

Para finalizar este tópico mais um último lembrete: verifique sempre com antecedência qual é o horário de check-in e também o de check-out. Se for chegar antes ou sair depois desses horários, informe o hotel e verifique a possibilidade de deixarem entrar mais cedo e/ou sair mais tarde. Na impossibilidade, verifique se ao menos o hotel disponibiliza um local apropriado para que possa guardar seus pertences.

Enfim, são muitos os fatores e detalhes que merecem nossa atenção, mas quanto mais você se dedicar a eles antes da escolha final, menos dor de cabeça você terá durante a viagem.